Condições climáticas excelentes e favoráveis ​​acompanhadas por localização geográfica converter certos territórios de América Central em adequado para o cultivo de grãos. Não qualquer um, mas aquele com o qual o delicioso líquido conhecido como café. Neste relatório, fazemos uma viagem (virtual) até berços de ouro negro líquido. Aquilo que nasce em vários países onde tem grande impacto econômico. Destaca-se a qualidade da matéria-prima, que conseguem colher com enormes garantias e com perfeitas propriedades organolépticas. Descubra mais abaixo!

Um café diferenciado em uma zona tropical

Honduras, Costa Rica, Guatemala e Nicarágua pode se orgulhar de produzir um café distinto em uma área tropical onde o cultivo é significativo. Para muitas famílias que se dedicam aos grãos, é um produto estrela que reporta até mesmo uma renda vital para o economia local. Deve-se notar que este setor cafeeiro em toda a América Central agrupa mais do que 10% da produção e exportação mundial de café. Agora, o mais relevante não é a quantidade, mas o qualidade de suas variedades.

Vulcão da Costa Rica

Paisagem da Costa Rica com um vulcão ao fundo

As regiões de América Central mencionadas gozam de condições geográficas incomparáveis, mas acima de tudo benéficas para o cultivo do café. Obviamente, cada país tem suas características mais particulares nesse sentido mais geográfico. Assim, devemos destacar as áreas planaltos ou planaltos e solos influenciados por vulcões próximos. Além disso, algumas plantações são nutridas por outros vegetação antiga, entre outros aspectos.

Claro, não podemos ignorar que um clima tropical com chuvas abundantes, o que favorece o bom desenvolvimento dos cafeeiros. Além da cultura do café está profundamente enraizado na população da América Central. Não só por manter o trabalho tradicional, mas porque esse trabalho é delicado. É dotado de programas meticulosos baseados no mimo e no tratamento especial dos grãos. Tudo para conseguir um café de ótimo sabor e aroma. Este é o produto que nasce de berços de ouro negro líquido.

café sem cápsulas Incapto Coffee

Café quente ao lado do feijão

O líder entre os berços de ouro negro líquido

Entre todos os produtores de América Central, a líder por hospedar até seis regiões que compõem sua rede de produção é Honduras. Especificamente, na área de Copan É um café de aroma doce com notas frutadas, cacau e caramelo. Tamanho é o prestígio deste grão que goza do rótulo de denominação. HWC (Cafés do Oeste hondurenho). E por que você adquire tal produto de um lugar tão particular?

A chave está no montanha, que também é protagonista em outra região: Opalaca. Desta zona nasce outro café que se caracteriza por ser ácido mas repleto de sabores frutados (amoras e uvas nativas).

Montecillos, Comayagua, Paraíso e Agalta Eles completam esta rede hondurenha de produção de café. Como nas primeiras áreas descritas, cada uma dessas quatro também possui um grão distinto. Isso favorece uma alta e variada oferta de cafés em todo o país para todos os gostos.

Solos vulcânicos ricos na Costa Rica

Variedade arábica 100% É característico e muito frequente no país do Tico que tem épocas do ano com chuvas fortes mas também muito secas. Agora, o que é realmente particular sobre Costa Rica eles são seus ricos solos vulcânicos que influenciam na obtenção de um grão de qualidade com pouca acidez. É muito valorizado e sua produção em quantidade é muito limitada. Portanto, desta região entre o berços de ouro preto líquido a excelência é baseada nesse aspecto.

berços de ouro preto líquido

Grãos de café da Costa Rica /
Foto cedida pelo CATA

Café de alta altitude na Guatemala

Nós nos transportamos para outro país de altas montanhas, cadeias de montanhas e vulcões. Seus solos férteis e ricos em nutrientes ajudam a colher os pés de café que crescem em um altura mínima de 1.500 metros. Isso somado ao clima tropical com suas intensas chuvas intermitentes resultam em mais um dos cafés mais valorizados do mundo. Sua habilidade no processamento permite manter seu excelente sabor e aroma. Entre as berços de ouro preto líquido, Guatemala se destaca.

berços de ouro preto líquido

Café em grão da Nicarágua / Foto cortesia do CATA

Bourbon da Nicarágua

Finalmente, em Nicarágua também nascem grãos cujas qualidades mais relevantes passam por um sabor cítrico, doce e floral. Claro, a grande quantidade de cafeína que o café nicaraguense contém é outro diferencial de mercado. A variedade Bourbon É o mais produzido neste país da América Central e acrescenta-se outros sabores como baunilha e chocolate ou frutas.

Em suma, estes são os berços de ouro preto líquido que faz parte da cultura do café na América Central. Cafés requintados reconhecidos em todo o mundo saem das quatro regiões mencionadas.

ação

DEIXE UM COMENTÁRIO

Este site usa o Akismet para reduzir o spam. Saiba como seus dados de comentário são processados.